O começo

“No começo foi difícil”, e está sendo difícil. È bastante complicado começar assim sem experiência, sob o peso daqueles que vieram antes de mim, mas eu precisava tentar.

Até aqui nada de novo; de novo! Eu poderia estar falando de centenas de coisas e ainda assim esse discurso seria perfeito. Poderia ser o discurso de Gisele Bünchen em entrevista para a Playboy; poderia ser uma entrevista com Nizan Guanaes ou até com a Roberta Close, sobre o episódio da troca de sexo.

O fato é que dizer: ” no começo foi difícil” é muito fácil. Porque não dizer que você possuia um rostinho bonitinho e por isso foi fácil tornar-se uma atriz, ou que alguém te deu aquele empurrõazinho. Por que não dizer que foi fácil? Por que não dizer que você sempre pensou em escrever coisas desse tipo e que quando resolveu escrevê-las, foi realmente fácil.

Talvez seja difícil começar, mas se chegamos até aqui…. Porquê não continuamos? Vai ser bom! Vai ser gostoso…







Ah! Como você é fácil! Nem precisei me esforçar tanto. Aliás, qual o problema em ser fácil? Adoro mulheres fáceis; o problema é quando elas se fingem de difíceis. Nada que o tempo não resolva (espero que este esteja ao meu favor).

Bom! Dificilmente eu admitiria isso, mas…………….é por causa de vocês que eu estou aqui e mesmo não sendo fácil, espero que eu consiga superar esta dificuldade inicial e que um dia eu possa dizer: ” no começo foi fácil”.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *