Se Meu Elevador Falasse … (eu teria uma discussão seriíssima com ele!)

Desta vez serei extremamente direto ! Desde que eu me mudei para o prédio onde moro, uma coisa me incomoda muito: O elevador. O curioso é que moro no 1º andar, e não teria porque reclamar dele. Porém há dois anos TODAS AS VEZES em que o chamo, ele passa direto pelo meu andar, vai ao 15º, 16º ou 17º, para então retornar. Isso já me causou tanta revolta que nos tempos de aula de manhã, aboli o uso deste meio de transporte vertical.

Depois de muito espernear e bater naquela maldita porta de metal, resolvi formular algumas teorias totalmente plausíveis para esse estranho fenômeno:

1- Uma comunidade alternativa demoliu as divisões entre os andares 15, 16, e 17, e vive em busca de paz interior em tranqüilos passeios de elevador. Dizem até que a Sandy andou por lá algumas vezes (vocês já pararam pra pensar em quantos repórteres não foram obrigados a subir e descer por lá!).

A única coisa que me assusta nessa possibilidade, é que no último capítulo da novela, a Sussucã (uma das líderes da tribo da cantora) ficou revoltada com a entrada do mundo capitalista na colônia e colocou fogo em tudo ! Imagine quando estes hippies daqui do prédio descobrirem que eles é que estão totalmente dentro desse mundo !

2- Os Lemmings (personagens de um jogo de computador dos anos 90 que sempre estavam presos em algum lugar e o jogador tinha que salvá-los) estão presos por lá e ficam desesperados tentando achar a saída subindo e descendo de elevador.

A única coisa que me assusta nesta possibilidade, é que sempre usávamos o lemming-bomba, para explodir umas paredes e salvar a galera. Portanto, meu prédio está na iminência de explodir !

3- Os agentes da Matrix se reúnem nestes andares. E olha que eu já tive vários “dejavús” dentro do elevador! Como eles têm que patrulhar a Terra toda, a partir da cobertura do meu prédio, eles usam este meio toda hora. Ainda mais agora que o Escolhido foi achado.

A única coisa que me assusta nessa possibilidade, é que nunca vi o elevador parar em nenhum andar entre o 10º e o 3º andar, então não seria nada impossível de que os moradores desses andares já tenham sido transformados em pilha humana, e a minha vez está chegando.

4- Os Smurfs vivem por lá. Afinal eles são pequenininhos e podem viver em centenas lá dentro, o que explica o vai-e-vem interminável. Além do mais, os adultos não vêem duendes (com exceção do Tihuana), por isso o elevador está sempre (aparentemente) vazio.

A única coisa que me assusta nesta possibilidade é que se por acaso o Governo resolver abrir os apartamentos e descobrir que ele está infestado de cogumelos, o zelador vai jurar que viu homenzinhos azuis correndo para lá e para cá e, provavelmente, todos os moradores restantes serão culpados como cúmplices desta plantação de estimulantes alucinógenos.

Em qualquer uma dessas hipóteses, a minha vida está em jogo, portanto, se algum dia, eu parar de escrever crônicas repentinamente, ou então, for dado como desaparecido no Linha Direta, vocês já sabem … a explicação está no elevador!

Compartilhe!

1 Comentário on "Se Meu Elevador Falasse … (eu teria uma discussão seriíssima com ele!)"

  • Reginaldo Queiroz diz

    Ricardo.
    Sou participante de um grupo de cronistas, que se reune toda terça-feira para trocar idéias. Sempre combinamos um tema para a próxima reunião, sendo o desta vez “NO ELEVADOR”. Acabei de ler a sua.Tá muito legal. Vou continuar a procurar a minha.
    Se você tiver algima sugestão, que não seja a do peido, favor mandar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *